compartilhe

0

WRunners

“Até hoje brincamos: se não fosse pela corrida, talvez não estivéssemos juntos!”

Isamara Neves conta como a corrida transformou o seu casamento e sua vida

RedaçãoPor
Redação

Por Marcia Di Domenico

Há dois anos, quando o marido perdeu o emprego, a publicitária e artesã Isamara Neves Barbosa, 44 anos, por pouco não surtou. E não foi porque a grana ficou mais curta e a família precisou cortar despesas, entre elas, a academia onde ela praticava natação e musculação. Mas porque o casal passou a dividir o mesmo local de trabalho em casa.

“Eu tinha uma rotina organizada, estava acostumada a trabalhar sozinha no meu ateliê. Com meu marido fazendo home office também, fui me sentindo sufocada”, lembra. “Além do espaço físico limitado, nossas atividades têm natureza totalmente diferente: eu preciso de silêncio e concentração, enquanto ele, que é da área de marketing, passava o dia andando de um lado para outro da casa falando no telefone.”

MAIS
A importância do magnésio para a saúde da mulher
Potencialize a hidratação durante os treinos com as águas saborizadas

Foi a filha pequena do casal que, sem querer, encontrou a solução para o impasse. “Voltando da escola dela um dia, vimos um grupo correndo e ela sugeriu que eu começasse a treinar também.” Depois de uns dias pensando, ela resolveu se juntar à turma. “Foi a válvula de escape que encontrei para a agonia que eu estava passando em casa”, fala a artesã.

Os treinos levaram à primeira Venus e aos primeiros 5 K da vida. No ano seguinte, mais 10 K para a conta na mesma prova. Em 2018, a meta é estrear nos 15 K correndo a Venus. “Tenho certeza de que vai ser muito emocionante. Meu pai, já falecido, era professor de educação física apaixonado pela profissão. Toda vez que cruzo a linha de chegada me lembro dele e não tem como não ficar comovida.”

Isamara já colocou a Venus no calendário de provas de que faz questão de participar todo ano. “Adoro o evento não só porque é um encontro de mulheres com a mesma vibe, mas porque tem uma estrutura muito legal, que não vejo em outras corridas. O dia anterior, de entrega dos kits, é uma festa à parte: aproveito para renovar o estoque de roupas e acessórios de treino, fazer unha e cabelo, tatuagem, tirar foto com as amigas. No domingo, depois de correr, me jogo no alongamento e na massagem para relaxar a musculatura das pernas”, conta. Por essas razões é que a Venus já entrou para o calendário de provas em que Isamara faz questão de se inscrever todo ano.

O casamento? Vai bem, obrigada. “Até hoje brincamos que, se não fosse pela corrida, talvez não estivéssemos juntos!”, se diverte a corredora.

Venus 2018

As inscrições para a corrida Venus 2018 estão abertas. A prova de São Paulo já aconteceu e agora é a vez do Rio de Janeiro, no dia 23 de setembro. A prova terá percursos de 5 km, 10 km e 15 km. Para inscrever-se, clique aqui!